A vida de uma Acompanhante de luxo

quarta-feira, 29 de junho de 2011

Porto

Vou trabalhar para o Porto na próxima semana.
Vai ser a 1ª vez na minha vida de putaria que faço o que nós chamamos "praça".
É mais 1 investimento,mas espero que valha a pena...
Fiz os trabalhos de casa;colegas daqui que costumam lá ir uma vez por trimestre falaram-me em valores em que numa semana se ganha o mesmo que num mês aqui...
Também não vou a contar c/ tanto;não quero sofrer uma desilusão...
Também falei c/ colegas que viviam e trabalhavam cá,mas entretanto foram viver e trabalhar p/ o Porto,e confirmam que vale bem a pena...
Também no Fórum tenho vários confrades a pedir a minha presença no Norte do país;mas daí a aparecerem...
Aproveito que o meu filhote vai de férias c/ o pai,e vou tentar a minha sorte lá em cima...
Vou realmente c/ grandes expectativas,muita ansiedade,e algum receio...
Mas aqui...são 16h e o telefone tocou 2 vezes...É 4ª fª e ainda só fiz 60€...E estamos em final de mês...
Não me quero deixar abater,mas a verdade é que de dia para dia o que se ganha começa a nem dar p/ as despesas...Não sei que mais fazer para contrariar esta situação...Acho que já fiz tudo...Só falta mesmo a praça;a minha última esperança que na semana que vem será alimentada ou destruida...
Mas tenho fé...Se dá certo para outras,porque não para mim?...Eu mereço...Eu não sou pior que elas...
Nem sequer escolhi o hotel mais barato;vou ficar no Mercury no Arrábida Shopping;é central,tem boas condições...enfim...espero que os potenciais clientes gostem...
Quem diria!...ver o Porto como um bote de salvação!...
Veremos se serei bem recebida lá por cima...
Espero mesmo que sim..
Senão...

domingo, 26 de junho de 2011

1 beijo cura tudo

 Li por acaso num saco de papel de uma conhecida marca de roupa a frase "Um beijo cura tudo".
 Esta frase ficou-me na cabeça e trouxe-me à memória sentimentos,acontecimentos,sensações e recordações que se encontravam de alguma forma adormecidos...
 Também me fez reflectir sobre a importância do beijo nas nossas vidas,e de como por vezes é fácil resolver algumas situações aparentemente difíceis...
 Quando penso nesta frase,lembro-me de quando caía em pequenina e me arranhava,de como a minha mãe dava 1 beijinho no "dói-dói" e dizia:Pronto,já passou... E passava mesmo...
 E lembro-me de como a minha avó,quando 1 pedaço de pão ou uma balacha caía ao chão,apanhava,dava 1 beijinho,e dizia:pronto,agora já podes comer...
 Lembro-me de quando estava triste os meus pais me "curarem" a tristeza c/ beijinhos calorosos,beijinhos de amor...
 Lembro-me das saudades horríveis que tinha da minha prima preferida,e de como,quando nos reencontrávamos,dávamos 1 beijo e era como se nunca nos tivéssemos afastado...
 Lembro-me do meu 1º beijo...envergonhado,desajeitado,tímido e c/ sabor a proibido...
1 beijo curou os males da minha infância...
1 beijo iniciou-me na adolescêmcia...
1 beijo no meu pai acabado de falecer acalmou a minha dor e,espero eu,acompanhou-o na sua viagem pelo desconhecido...
 Quando tinha discussões sérias c/ o meu (ex)marido,e depois de passar a raiva,era c/ 1 beijo que lhe pedia perdão,ou que aceitava o dele...
 Foi c/ 1 beijo de uma intensidade até então desconhecida,que dei as boas vindas ao meu filho mal ele acabou de nascer e,ainda sujo da placenta e amachucado do parto,o puseram em cima do meu ventre então dorido... E c/ esse beijo mágico(como o são todos os verdadeiros beijos de amor),curei as dores de parto,o cansaço de o ter feito vir ao mundo,os incómodos de pés e mãos inchados...
 E ainda hoje,na minha idade adulta,o beijo continua a acompanhar-me,a curar-me e a fazer curar...
 Agora sou eu que beijo o meu filho quando ele se aleija e digo:Pronto,amor,já passou...e sinto acalmar o seu choro.
 Sou eu que beijo este ser pequenino e maravilhoso quando chora de tristeza porque um menino já não quer ser amigo dele...e sinto o meu beijo secar as suas lágrimas...
 Sou eu que o cubro de beijos enquanto dorme,repetindo na minha alma:amo-te tanto!E os pesadelos que ele estaria a ter abandonam-no,e muitas vezes 1 sorriso inconsciente desenha-se nos seus lábios adormecidos...
 Depois de uns dias passados c/ o pai,e quando o meu coração já sangra de saudades dele,os beijos do meu filho curam a minha saudade e ansiedade...
 É através de um beijo que demonstro à minha irmã o quanto gosto dela...

E por isso,sim!1 beijo cura tudo...tristeza, dor,saudade ,cansaço,solidão,perca,culpa,zanga,raiva...1 beijo dado e/ou 1 beijo recebido...o seu poder diz mais que milhares de palavras juntas,transmite mais sentimentos que o melhor dos poemas,acompanha-nos na vida e na morte...
 Talvez por isso eu goste tanto de beijar e de ser beijada...porque assim estou a ser curada...

sexta-feira, 17 de junho de 2011

Uma grande MULHER

Ontem tive o enorme prazer e honra de verdadeiramente conhecer uma mulher excepcional,a que dá vida a uma colega minha.
 Esta menina/mulher é 1 exemplo de coragem,força,sobrevivência,luta e sofrimento...
Ao pé dela sinto-me pequena e mesquinha,pois nenhum dos meus problemas se compara ao sofrimento que esta mulher já passou...qualquer triste história que tenham ouvido,nada é quando comparada com a dela...
Esta mulher é uma fénix,que morreu e renasceu das suas própias cinzas,fez do seu sofrimento 1 motor de luta,transformou as suas lágrimas em sorrisos.
Fez agora os 30,mas a sua cara parece a de uma colegial;os seus olhos não denotam nenhuma amargura;a sua bondade não deixa adivinhar o mal que já lhe fizeram;a sua postura calma em nada denuncia os tormentos que já viveu...
É uma Senhora,c/ cultura,educação;sabe estar,é divertida,e é uma mãe extremosa.
E através da sua história,consegui absorver mais o quanto as aparências iludem...
De origem Africana,foi vendida quando recém nascida,trocada por meia dúzia de moedas...
Foi violada,abusada e espancada...
Desses abusos resultou uma gravidez aos 13 anos que a sua mãe adoptiva obrigou a interromper.Essa situação foi tratada por uma carniceira que a deixou com dores monstruosas,uma anemia p/ a vida e o bebé ficou lá à mesma.Após 15 dias de sangramentos abundantes e dores alucinantes,numa ida à casa de banho,esta fénix sente sair aquilo que viu serem 2 fetos já formados...P/ além da brutalidade psicológica desta situação,houve o perigo de vida;mas mesmo assim foi-lhe negado acesso a cuidados  médicos .A recuperação física foi lenta e dolorosa,mas a psicológica..essa só se fez anos mais tarde...
Esta menina/mulher juntou-se a pessoas que não seriam a melhor das companhias,e aos 15 anos engravidou de 1 bebé que hoje é um excelente rapaz,gravidez essa que ela escondeu até não poder mais,para a criança não ir parar ao lixo como aconteceu com os anteriores.Juntou-se ao pai da criança e juntos iniciaram aquilo que poderia ter sido uma bonita familia...mas que não foi...sofreu novos abusos,novos maus tratos,viu-se envolvida em negócios ilícitos e acabou por ser presa aos 19 anos.
Durante 7 anos,não pode acompanhar o crescimento do seu rebento,que foi entregue aos avós.Além de que perdeu tudo aquilo que tinha.
C/ 26 anos,1 filho,s/ nada,nem emprego,nem estudos,e ex-presidiária;esta mulher agora renascida decidiu que daria ao seu filho o melhor que poderia e tornou-se acompanhante...
E p/ mimé uma honra e 1 previlégio conhecer este ser humano maravilhoso...este exemplo de vida e força...esta mãe coragem.
Só por ela já valeu a pena ter entrado na "putaria"!...
Obrigada,minha amiga!

sábado, 11 de junho de 2011

O Alentejo

O nosso Alentejo é algo de impagável...
É para cá que venho qd preciso de retemperar forças,abstrair-me do mundo,ou simplesmente qd quero 1 pouco de sossego e simpatia.
As gentes Alentejanas são pessoas simples,simpáticas,dadas,generosas e acolhedoras.
Têm o condão de,mesmo num sítio onde nunca tenhamos estado,nos fazerem sentir em casa...
A hospitalidade dos Alentejanos dá-me alegria e esperança...
A sua conversa desinteressada e simples faz-me voltar a acreditar na bondade e autenticidade humanas...
As suas casinhas caiadas,todas elas muito limpas e c/ o tradicional rebordo amarelo ou azul;permitem-me limpar da pressão dos grandes edfícios da Capital...
A calma e sosssego que aqui se respira faz-me esquecer das filas de trânsito das grandes cidades...
A vida pacata que vai passando e sendo apreciada,faz-me pensar se realmente eu me dou tempo p/ viver a minha vida,ou simplesmente corro atrás dela...
É aqui,no silêncio do Alentejo,que me torno a encontrar a mim própia;qual criança que retorna ao útero materno...
É aqui que coloco a minha vida em perspectiva,reflectindo e questionando se a forma c/o a tenho vivido é a melhor ,ou a mais feliz...
Após lufadas de ar puro de um lugar que não conhece o stress,sinto que a calma se apodera de mim,permitindo-me ver tudo c/ mais clareza,c/ menos intolerância...
É no coração do Alentejo que ouço o meu própio coração,e onde consigo ter tempo,espaço e disposição p/ defenir e emendar as linhas orientadoras da minha vida...
É tb aqui que descubro os melhores e mais simples prazeres da vida...1 merenda ao pôr do sol c/ o queijo,as azeitonas ,os enchidos e o pão que a gente da terra faz e oferece c/ aquele carinho que só eles sabem dar...Regado pelo excelente vinho da terra,único em caracteristicas e sabor...
E ao som do chilrear dos melros,e ouvindo o sotaque deste povo genuino,descubro as respostas p/ as minhas duvidas,as soluções p/ as minhas inquietações,a resposta às minhas preces...
E ao meter-me no carro de regresso a Lisboa,agradeço a este Alentejo da minha alma por me deixar fazer parte dele...
E vou mais leve,mais feliz;mas tb deixo aqui 1 pouquinho de mim...e uma lágrima marota despede-se...

quarta-feira, 8 de junho de 2011

Fétiches

Já vos falei nas taras mais "diferentes" com que fui confrontada.
Hoje quero-vos falar de algo mais soft:os fétiches.
Os fétiches são desejos diferentes do habitual,mas mais comuns e menos bizarros que as taras.
Vou começar por descrevê-los por ordem decrescente de pedidos:
-Chuva dourada=é uma constante.Não passa uma semana s/ que me perguntem ao telefone se o faço.A 1ª vez que o fiz,foi complicado...para já,não sabia o que era;depois disso esclarecido,estive uma hora a beber água,e mais água e quando preciso de ir fazer xixi,não posso;tenho que aguentar até o cliente chegar.Felizmente não demorou muito mais...Mas 1º ele queria beijos,apalpanços,sexo oral e até penetração...aguentei-me até ao sexo oral,após o que lhe disse que se me penetrasse,eu fazia xixi na hora.Ele então não quiz,deitou-se no chão onde eu já tinha posto lençóis e toalhas de barriga p/ cima,mandou-me abrir as pernas e ficar meio agachada de pé,por cima dele e virada p/ ele,e c/ a minha c*na bem perto da cara dele.Começou a masturbar-se e pediu p/ eu fazer o mesmo,começou a acelarar e grita-me agora!finalmente aliviei a bexiga!E ele bebeu quase tudo,enquanto se vinha abundantemente...
-Sodomização=é também das fantasias mais pedidas.Básicamente,o homem gosta de ser penetrado,mas não por outro homem;quer uma mulher que acrescenta um sexo de homem falso a enrab*-lo s/ dó nem piedade...E olhem que os vibradores de cintura costumam ser bem avantajados!...Estes clientes têm orgasmos fortes,brutais e mais longos que o habitual.
Sei que há quem ache que este fétiche representa no fundo 1 desejo homossexual em homens que são homofóbicos...Eu pessoalmente não concordo...Talvez por gostar de sexo anal,e essa parte da anatomia ser igual no homem e na mulher(c/ mais ou menos pêlos;));e saber que é uma zona c/ muitas terminações nervosas;compreendo que ambos possam retirar prazer deste tipo de relação sexual.
-Botão de rosa=não é incomum perguntarem se faço...Desculpem se ofendo alguém,mas...que nojo!!!C/o é que 1 homem que eu não conheço espera que eu lhe lambe,beije e sugue o ânus?....Aqui está 1 fétiche que eu não faço...esqueçam...se me quiserem fazer,é c/ o cliente,agora,eu fazer...fora de questão!
-Virem-se na cara=é bastante comum homens que,depois de perguntarem se eu faço oral até ao fim s/ preservativo,e eu responder que não(pois não faço mesmo!),pedirem p/ se virem na minha cara...Claro que respondo que não,mas fico a pensar c/o é que,não fazendo eu oral até ao fim s/ protecção,esperem que eu aceda a este desejo...o perigo de transmissão de DST´S p/ mim continuaria a ser enorme!!!!Será que estes homens não pensam,ou c/o o risco seria só meu,são tão egoistas que não querem saber?....

Bem,deixo-vos aqui o inicio deste relato.
Tenho muito mais p/ vos contar,mas fica p/ o próximo capitulo...
Vão passando...
Beijocas.

sábado, 4 de junho de 2011

O regresso

Voltei!
Regressei ao trabalho após uma "recachutagem" na parte do meu corpo que me entristecia.
Estive 1 mês parada.1 mês de cirurgia,dores e recuperação.1 investimento.Em mim,na minha auto-estima,no meu trabalho c/o Escort.
Fotos novas,num novo site:Mariana Rodrigues no Apartado X.
E agora a esperança do retorno...
A expectativa de que a minha nova e melhorada aparência seja devidamente apreciada pelos meus clientes...e que me traga mais...
O reconhecimento da minha constante procura de agradar,de melhorar o que ´ está menos bem...de me aperfeiçoar...por e p/ os clientes.
O receio de que não tenha valido a pena...de que o retorno económico não justifique o investimento...de não agradar...
Sim,eu sei,se melhorei,e no íntimo continuo a mesma;então não há o que recear...
Mas existem momentos de insegurança...existem receios...dúvidas...fantasmas...
P.ex.,hoje estou a trabalhar desde as 18h,mas ainda não tive sequer uma marcação...
Sim,podem estar na praia...ou em família...ou não saberem...Mas...MAS...
Este é o meu regresso!
Tem tudo p/ ser 1 sucesso...mas...
É 1 regresso timido,mas orgulhoso;positivo mas c/ receios;atrevido mas c/ medos;crente mas nervoso...
Sei que vou agradar...sinto que a minha vida profissional(e automáticamente a pessoal) vai melhorar.Sei que tudo fiz p/ melhorar e agradar;e por isso serei recompensada...é a lei cósmica...nada pode dar errado,pois não?...
Este não só é 1 regresso ,é O REGRESSO!
O regresso da Eva,que agora tb tem o nome de Mariana Rodrigues.
O regresso da mulher que luta,e que c/ o seu esforço vence.
O regresso da mãe que sózinha sustenta o seu filho.
O regresso da Acompanhante que tudo faz p/ agradar aos seus homens,p/ os fazer felizes...
Será que eles me vão fazer feliz a mim?...
Será que sentiram a minha falta?...
Será que vão festejar o meu regresso?...

quinta-feira, 2 de junho de 2011

A minha 2ª vez c/ 2 homens:o paraíso dos sentidos

Eram 16h qd o x me liga.Estou em Lisboa.Queres ir jantar?
Claro! respondi,já antecipando uma noite de surpresas e prazer.
E não me enganei...
Queres que leve 1 amigo?
Humm,respondo,meio na dúvida,lembrando-me da minha outra experiência.
Não te preocupes,diz o x,é 1 miudo novo,bem formado,mulato,meiguinho.E vamos jantar os 3 p/ vocês se conhecerem,beber 1 copo,e depois se não quiseres,ficamos só nós.
Concordei,sentindo já 1 arrepio de prazer e excitação.
Fui ter c/ o x ao hotel indicado,após o que fomos a 1 restaurante altamente sugestivo:Afrodite.
Já lá estava o outro amigo.Gostei da pinta dele.Algures entre o tímido e o atrevido;)
Entre aquelas iguarias c/ nomes altamente sugestivos,aquele ambiente intimista e sensual;fomos os 3 jogando 1 jogo de sedução,desejos velados,promessas p/ (não) cumprir...
Embalados pelo ambiente,pela música,pela bebida,e pela luxúria;seguimos p/ o hotel do x.
Ao entrarmos no 4º já os tinha os 2 a apalparem-me,mãos a percorrerem o meu corpo,qual polvo a tomar conta de mim...
Sinto beijos,de 1,de outro,dos 2 em simultâneo;beijos sedentos,loucos,perdidos;enquanto a roupa me ía sendo retirada...
Ardo de desejo qd sinto uma língua conhecedora no meu sexo,a saboreá-lo,explorá-lo;enquanto 1 membro rígido entra na minha boca exigindo ser lambido,chupado,sugado...
Sinto bocas e línguas percorrerem todos os recantos do meu corpo,levando-me à loucura mesmo antes da penetração.
O x deita-se e eu momto-me em cima dele,cavalgando até ao infinito,enquanto o outro se masturbava bem perto de mim...cheguei ao 2º orgasmo rápidamente...
Nisto,o outro sodomiza-me gentilmente;e eu estou ali,duplamente penetrada,areceber estocadas ora meigas ora mais fortes;enquanto que ao ouvido me são ditas palavras ora amorosas ora obscenas...
Sinto-me predida...perdida de prazer,de tesão,de exaustão...
A dupla penetração torna-se agora extremamante intensa,os cheiros misturam-se,os suores confundem-se;e mais uma vez me perco naqueles segundos de paraíso,em que expludo,saindo de mim p/ a mim tornar...Sou seguida pelos meus companheiros,que satisfeitos saem de mim.
Penso que acaba ali aquela aventura,mas engano-me
Deitamo-nos os 3 na cama,comigo no meio,e começo a receber festinhas e miminhos...não sei de qual deles,nem me interessa...estou esgotada de prazer...recebo uma massagem relaxante,que me faz adormecer...
Qd acordo na manhã seguinte,já nenhum dos 2 lá está.
Tenho 1 recado do x na bandeja do pequeno-almoço,a dizer:dormias tão bem que parecias 1 anjo...Não te quiz acordar.Toma este pequeno almoço p/ repores as energias ;).A noite de ontem foi mágica...Temos que repetir em breve...
Sorri ao recordar...